Etiquetas: apiedit, Edição visual
(Adicionando categorias)
Etiqueta: categoryselect
Linha 92: Linha 92:
 
[[Categoria:Família Leone]]
 
[[Categoria:Família Leone]]
 
[[Categoria:Personagens com estado desconhecido]]
 
[[Categoria:Personagens com estado desconhecido]]
  +
[[Categoria:Personagens Femininos]]

Edição das 18h10min de 29 de dezembro de 2016

Maria Latore (também creditada como Maria La Torra) é um personagem da série Grand Theft Auto, que

aparece como um personagem principal de Grand Theft Auto III (2001) e Grand Theft Auto: Liberty City Stories (1998), e uma personagem menor em Grand Theft Auto: San Andreas. Ela é a

Maria Latore em 2001

esposa do Don da Família Leone, Salvatore Leone e madrasta do seu filho, Joey. Ela é dublada em GTA III e GTA San Andreas por Debi Mazar, que também já apareceu em séries como Entourage, enquanto que em GTA Liberty City Stories era dublada por Fiona Gallagher.

Maria em 1992

História da personagem:

Vida até 1998

Maria Latore nasceu num local desconhecido, possivelmente em San Andreas, e depois se mudou para Las Venturas e tornou-se uma garçonete da Família Sindacco no casino Caligula's. Mais tarde, após a Leone e Forelli Family investirem dinheiro no casino, ela atende e começa um relacionamento com o Leone Don Salvatore Leone. Em algum momento entre 1992 e 1998 ela se casa com Salvatore e move-se em sua casa em Liberty City, antes de ir para o seu próprio apartamento no mesmo bairro.

1998

Em 1998, Maria é casada com Salvatore e o casamento é no fundo do poço com os dois não se entenderem e viverem separados, enquanto Maria se tornou viciada em drogas. Ela também começou a trair Salvatore com o líder dos Bikers Cedric "Wayne" Fotheringay, algo que Salvatore é bem consciente e muitas vezes usa argumentos. Ela tenta vender segredos da família Leone para Ned Burner através de e-mails,

Maria em 1998

embora os dois nunca chegar a um acordo sobre um preço. Toni Cipriani é atribuído à sua dama de companhia, muitas vezes resultando em Toni salvá-la de problemas, incluindo: ajudá-la depois que ela rouba algumas lojas, 'vencer' a em uma corrida de rua, matando Fortheringay depois que ele ataca, e salvar sua vida depois que ela tem uma overdose. Ela mostra os sentimentos românticos para Toni, que diminui constantemente o seu pedido, embora tenha a percepção de que Toni não tenha dinheiro antes que ela decida ficar com Salvatore: "Eu sou a menina de Salvatore! Ele está carregado!"

Vida até 2001:

Em 2001, ela continua casada com Salvatore Leone e, aparentemente, voltou com ele, embora a sua relação ainda está no fundo do poço. Ela é introduzida para Claude, que ela chama de "Fido", Salvatore, que lhe pede para acompanhá-la por uma noite. Maria, ainda viciada em drogas, é levada por Claude até ao traficante Chico, que a informa de uma festa ilegal num armazém em Atlantic Quay. Claude leva para a festa e com êxito consegue devolvê-la à casa de Salvatore, após ser perseguido pela polícia. Maria diz a Salvatore que ela e Claude entraram em um relacionamento, resultando em Salvatore tentar matar Claude com um Cheetah com uma bomba. Maria, porém, avisa Claude por pager e se encontra com ele em um pequeno cais de Callahan Bridge. Ela introduz Claude a sua amiga Asuka Kasen e os três fogem para Staunton Island.

Asuka depois contrata Claude para matar Salvatore, resultando em Maria a tornar-se uma viúva. Maria e Asuka participam em várias actividades, como ir de férias para evitar um paparazzi e compras. Maria e Asuka finalmente torturam Miguel em conjunto para extrair informações sobre as operações dos Colombianos. Catalina, no entanto, mata Asuka e Miguel, e sequestra Maria e leva-a para Shoreside Vale, exigindo Claude a pagar um resgate de $500.000. Claude paga o resgate, na sede do Cartel, mas é emboscado por Catalina. Claude mata os membros do cartel e segue Catalina até Cochrane Dam, destruindo seu helicóptero com um RPG e resgata Maria. Os dois começam a se afastar da cena com Maria falando continuamente à medida que a tela fica preta, em que um ponto de tiro é ouvido.


Personalidade:

Maria está segura sobre sua aparência, embora ela não tem controle sobre si mesma, o uso de drogas (e em um ponto quase uma overdose) e gastar um monte de dinheiro de Salvatore já lhe meteram em problemas. Apesar de sua capacidade de obter dinheiro, ela também furta, deixando o trabalho de Salvatore para Toni Cipriani. Ela também é muito dominante, uma ninfomaníaca, e chama as pessoas mais confiaveis de Salvatore como lapdogs e "Fido" (como é o caso de Claude no GTA III e Toni Cipriani em GTA Liberty City Stories).

Curiosidades:

  • O destino de Maria é deixado ambíguo pela Rockstar Games, que se recusam a indicar se o tiro de Claude era matar Maria, ou simplesmente para a silenciar (ou seja, levar um tiro no pescoço, que nem o Claude).
  • Maria pode ser ouvido de Chatterbox FM em Grand Theft Auto III falando sobre Claude, afirmando que "ele não fala muito". Este aspecto aparece durante todo o jogo, inclusive antes que ela conhece Claude e depois de sua morte possível, devido às estações de rádio que está sendo jogado em um loop.
  • Maria tem um interesse em mobiliário de pele de leopardo, que ela referência na Chatterbox FM em GTA III e é evidente em sua roupa no GTA Liberty City Stories.
  • Maria Latore está listado como Maria La Torra nos créditos de Grand Theft Auto: San Andreas.
  • A única vez que Maria não usa nada com estampa de leopardo está em sua aparição em Grand Theft Auto: San Andreas.

Missões em que aparece

GTA III

GTA San Andreas

GTA Liberty City Stories

Galeria

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.